Artigos e Publicações

Profissionalização garante a perpetuidade

Profissionalização garante a perpetuidade

Publicado em 07/01/2020


Andersen Ballão Advocacia investe em melhorias administrativas, comunicação, endomarketing e no Direito Ambiental

Com o objetivo de manter a qualidade dos serviços prestados e atender às demandas do cliente de acordo com as suas necessidades, o escritório Andersen Ballão Advocacia aposta na profissionalização da sua administração. Para isso, a empresa contratou a consultoria Selem Bertozzi, que estudou – durante todo o ano de 2012 – as áreas de marketing, finanças, gestão de pessoas e processos.

Segundo o sócio fundador, Wilson J. Andersen Ballão, a intenção é garantir a perpetuidade do escritório. “Estamos investindo em uma administração integrada para que o escritório continue crescendo sem esquecer a manutenção da qualidade. O principal é que os nossos clientes estejam sempre satisfeitos”, afirma. Uma das providências tomadas foi a contratação de um gerente jurídico que está à frente das mudanças administrativas.

“Quem não se comunica se trumbica” (Chacrinha)
Outra ação em prol da profissionalização diz respeito à utilização de ferramentas de endomarketing para falar com o público interno. O advogado contencioso e membro do comitê de marketing, André Luiz Bettega D’Ávila, conta que a pesquisa de clima organizacional identificou pouca integração entre os profissionais e seus departamentos. “As vitórias não eram comunicadas e havia certo individualismo. Decidimos criar ferramentas de integração para que os advogados saibam o que se passa na empresa e, assim, consolidar uma cultura organizacional única”, explica.

A partir dessa percepção, o escritório criou os grupos de interesse, que são divididos em seis temas principais de trabalho: Automotivo, Energia, Terceiro Setor, Negócios Societários, TI e Comércio Exterior. Os chamados GIs se reúnem a cada 15 dias para discutir um tema comum da economia do Direito. Além disso, semanalmente, todos os colaboradores, sejam advogados ou não, são convidados para um seminário, quando um profissional apresenta um tema e todos debatem. “Os GIs e os seminários promovem a integração e, até mesmo, motivam os profissionais, pois eles têm espaço para apresentar e discutir os seus trabalhos”, conta Bettega.

Além das iniciativas citadas acima, foram desenvolvidos dois veículos de comunicação para o relacionamento com o mercado e com o público interno. O site do escritório também foi totalmente reformulado com atualizações periódicas de artigos. “Essas ferramentas auxiliam para que todos fiquem por dentro das informações do escritório e que esses materiais de divulgação sejam encontrados com facilidade e circulem rapidamente”, complementa o sócio fundador Wilson Ballão.

Direito Ambiental
Devido à grande demanda de mercado por auxílio em questões jurídicas ambientais, o escritório Andersen Ballão conta, desde o início de 2013, com um departamento dedicado exclusivamente ao Direito Ambiental. Sob o comando do advogado Rafael Filippin, mestre em Direito Ambiental pela UFSC e doutorando em Meio Ambiente e Desenvolvimento pela UFPR, o novo departamento oferece uma advocacia consultiva, ou seja, prevenção e análise de situações jurídicas, contratos, licenciamentos ambientais junto aos órgãos públicos, questões trabalhistas que envolvem ambiente e segurança de trabalho, energéticas, entre outros.

Além disso, o novo departamento trata também da proposição de ações e defesa de processos contenciosos. “A maioria das empresas, principalmente do setor industrial, tem uma agenda ambiental obrigatória devido à sua cadeia produtiva, natureza da matéria-prima e dos resíduos produzidos. O Direito Ambiental trabalha em colaboração com os demais departamentos, no sentido de dar segurança jurídica ao negócio e diminuir os riscos do cliente”, explica.

Matérias Relacionadas

Observatório da Cultura Paranaense promove união de entidades inédita no estado

Observatório da Cultura Paranaense promove união de entidades inédita no…

Com assessoria jurídica da Andersen Ballão Advocacia, entidade apoia projetos culturais, científicos, históricos, literários, artísticos, gastronômicos, entre outros   Sediado oficialmente no prédio histórico do…

Leia mais
Clareza do contrato social é importante em favor da continuidade da empresa após a morte de sócios

Clareza do contrato social é importante em favor da continuidade…

DREI admite a transferência de quotas sem alvará judicial ou escritura pública de partilha   Uma decisão recente do Departamento Nacional de Registro Empresarial e…

Leia mais
Convênio da ABA com o Programa FAE LAW Experience capacita estudantes para a prática do direito

Convênio da ABA com o Programa FAE LAW Experience capacita…

O desenvolvimento das habilidades pessoais e profissionais necessárias no mercado jurídico é o foco da parceria   A prática do direito requer, por natureza, atualização…

Leia mais