Artigos e Publicações

ABA implanta setor de controladoria jurídica

ABA implanta setor de controladoria jurídica

Publicado em 07/01/2020

Nova área vai aprimorar a gestão de processos e acelerar o fluxo de informações processuais

Analisar e aprimorar as suas estratégias de gestão tem sido uma constante para a Andersen Ballão Advocacia. Esse processo se intensificou em 2012, com a contratação de uma consultoria especializada que impulsionou as áreas de Comunicação, Finanças, Gestão de Pessoas e Gerência Jurídica. Em 2016, as mudanças continuam com o desenvolvimento do setor de Controladoria Jurídica da ABA, um órgão que visa aperfeiçoar ainda mais a gestão de processos e elevar a qualidade das informações prestadas aos clientes.

A controladoria jurídica da ABA vai atuar em três frentes: no controle de processos, nos indicadores de desempenho e gestão de carteira e no auxílio às boas práticas de compliance. Para coordenar essas atividades, no início deste ano, a equipe do escritório ganhou um importante reforço: a advogada especializada em Gestão Empresarial Marcella Marinho Vicentini Bordignon, contratada especialmente para a função.

Marcella explica que, no que diz respeito ao controle de processos, o mais novo setor da ABA fará a auditoria dos procedimentos de trabalho de seus profissionais, como o controle de audiências, petições, prazos processuais, entre outras atividades. ”Esse controle vai permitir uma análise mais detalhada de casos específicos e garantir alta segurança aos trâmites de cada processo”, enfatiza a advogada.

Outra responsabilidade da controladoria jurídica da Andersen Ballão será a apresentação de indicadores de desempenho e gestão de carteira. A nova controller explica que a auditoria dos processos vai permitir aos gestores do escritório analisar as estatísticas de suas equipes, carteiras e potenciais: “será possível analisar de forma estratégica o comportamento da carteira de ações e o potencial dos colaboradores”.

Essa constante conferência de informações e a elaboração de estatísticas e indicadores de desempenho da equipe vai trazer, ainda, uma maior transparência no cumprimento das regras de compliance. Segundo Marcella, isso será possível pois a controladoria jurídica “vai potencializar a aplicação de princípios éticos e auxiliar a emissão de relatórios de auditoria a clientes”.

A advogada se declara consciente do grande desafio e responsabilidade que tem pela frente, mas demonstra excelentes expectativas sobre a implantação do mais recente setor do escritório. “Integraremos os métodos já utilizados pelos departamentos da ABA e unificaremos a forma de comunicação. Isso vai trazer maior objetividade de informações e garantia de continuidade no cumprimento das demandas dos clientes com excelência”, coloca.

Matérias Relacionadas

Ombudsman da ABA quer dar ainda mais agilidade ao trabalho…

A ideia da atuação do ombudsman é fazer a ponte entre o advogado e o cliente quando necessário Objetivando um atendimento ainda mais personalizado e…

Leia mais

O que muda com a nova Lei sobre tributação de…

Advogado tributarista destaca que é essencial manter toda a documentação suporte, como  extratos bancários e balanços das empresas no exterior, para eventual apresentação à Receita…

Leia mais

A responsabilidade do empregador sobre atos do empregado

Apesar de ocorrer a responsabilização do empregador por ato do empregado, é possível que o empregador busque o ressarcimento por eventuais prejuízos causados pelo empregado…

Leia mais